10 de janeiro de 2010

A ARTE DO MOSAICO

Batistério em Florença

- Tais Luso de Carvalho

Mosaico são pequenas peças multicolores – de mármore, terracota, cerâmica, pedras preciosas ou semipreciosas – justapostas de modo a formar um desenho, incrustadas numa base de cimento, argamassa ou material aderente. Depois a superfície é banhada com uma solução de cal, areia e óleo, que preenche os espaços vazios existentes entre as peças favorecendo a aderência. Entre essa, outras técnicas naturalmente surgiram.

A arte do mosaico teve início mais ou menos no ano 3000 AC. na antiga Mesopotâmia. Mas foi na era bizantina que o mosaico tornou-se rico, inovador e luminoso decorando as igrejas bizantinas.



Na Grécia foi encontrado um dos documentos mais antigos relativo à arte do mosaico (meados do século III a.C).

O ‘Estandarte de Ur’ (acima - 3500 a.C), é considerado pela maioria dos historiadores como o mosaico mais antigo. Foi encontrado na Suméria (antiga Mesopotâmia), atual Iraque. Um dos murais narra cenas de guerra; no outro, cenas domésticas.

No apogeu do Império Romano a arquitetura utilizou-se muito dos mosaicos como elemento decorativo, sobretudo nos pavimentos onde eram representadas composições ornamentais, cenas familiares, paisagens e alegorias.

As ruínas de Pompéia e de Roma ainda conservam muitos exemplos dessa arte. Embora conhecido desde a antiguidade, o Mosaico como expressão artística , está particularmente associado à cultura bizantina, que o disseminou. No início do século XIII era grande a influência da civilização bizantina no mundo. E, com a tomada de Constantinopla (1203) pelos cruzados, o mosaico espalhou-se mais, devido à fuga dos artistas para outros lugares.

Na Grécia três igrejas comprovam o esplendor desta arte: Hosios Lukas, Nea Moni e o Mosteiro de Dafne, na estrada de Atenas.

A igreja de São Marcos, em Veneza, também sofreu influência bizantina, assim como a igreja de Santa Sofia - em Kiev.

Essa arte era conhecida, também, na América pré-colombiana, principalmente pelos Maias e pelos Astecas. Os materiais mais usados eram o quartzo, a malachita, o jade e outros minerais, havendo preferência pela turquesa.

As incrustações eram feitas em madeira, ouro, cerâmica e couro, coladas em vegetais pegajosos (resina das plantas), como uma espécie de cimento.

Os mosaicistas sempre desconheceram a perspectiva – embora sem a rigidez dos egípcios, obedeceram a lei da frontalidade. As figuras eram vistas de frente e tinham simetria total. Os rostos apresentavam olhares fixos, acentuados por uma forte arcada de cílios, muito sombreados, que encaravam friamente o observados.

Nos séculos XIV e XV, devido ao alto custo e laboriosidade, o mosaico foi sendo substituído pelo afresco. Ressurgiu em Roma, na Renascença, na Basílica de São Pedro e de outros templos italianos, mas não mais com o caráter monumental do período bizantino.



Alexandre Magno montado no seu cavalo Bucéfalo na batalha de Isso, encontrado em Pompéia.


Mosaico bizantino



Mesquita de Damasco / Síria
Um belíssimo monumento incluindo as tesselas de ouro.


Esse grandioso mosaico do período bizantino médio está localizado na abside principal, acima do altar-mor da Basílica Ortodoxa de Monreale, na Sicília. Essa imagem dominante é do Cristo Pantocrator, o 'Rei de Todos', rico em significados. Um Cristo onipotente, que tudo rege.
1180-1190 / autor desconhecido


32 comentários:

  1. Olá Tais
    É um prazer voltar aqui e aprender e reaprender a história que dignifica o Homem.
    Um beijo grande e um excelente 2010!
    Chris

    ResponderExcluir
  2. Que linda esta página de História que se lê com prazer. Obrigada por ela!
    Um beijo e boa semana
    Graça

    ResponderExcluir
  3. Lindíssima postagem, Taís! Aliás,
    teu trabalho é todo ele, muito bom,
    muito bonito. Parabéns!

    Mais uma vez: UM FELIZ 2010 pra ti!

    Abs

    ResponderExcluir
  4. Taís,querida amiga
    È um grande prazer visitar teu blog,
    você realmente presta um serviço a arte valiosissimo.
    Achei muito incrivel esta história do "mosaico".
    Congratulações
    Boa Semana

    ResponderExcluir
  5. Intteressante, sendo que a arte "irmã" no vidro seja os vitrais, certo?

    Fique com Deus, menina Tais Luso.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  6. Pois é, dei uma passadinha para apreender com você.

    Muito bom aqui.

    ResponderExcluir
  7. Gostei, virei mais vezes aqui. Aproveito para recomendar o blog: www.seteramos.blogspot.com
    Lá tem uma homenagem a Gabriela Mistral que vale a pena ler.

    ResponderExcluir
  8. Fico satisfeita em vir aqui apreciar e aprender um pouco mais.
    Obrigada.

    bjs

    ResponderExcluir
  9. A vida é uma arte! Que postagem linda com imagens encantadoras, minha amiga!
    Bjkas!

    ResponderExcluir
  10. Taís!
    Adorei a tua visita na minha "cozinha".
    Bjkas, amiga!

    ResponderExcluir
  11. Tais, que maravilha de blog...
    Obrigada por proporcionar esse tesouro com as pessoas. Isso nos faz muito bem...
    Deus abençoe voce, e continue sempre nos presenteando com trabalhos e obras ricas e preciosas assim...
    Bjos,
    Cléo Borges

    ResponderExcluir
  12. Bem é a primeira vez que visito este blog e fico mesmo estupefacto com a quantidade de cultura e arte que se espalha por aqui :D ainda bem que ha pessoas q fazem por espalhar a maravilha da arte, grande blog ;)

    ResponderExcluir
  13. Gosto muito de mosaicos.
    Gosto de visitar seu blogue.
    É importante ler o que escreve.
    Bj./Irene

    ResponderExcluir
  14. Lindona!
    Tenho um selinho para você no blog da Sônia Silvino - Onde os animais são as estrelas! Faça uma visitinha e pegue!
    Bjkas!

    ResponderExcluir
  15. Olá Tais,

    Antes de mais obg pela visita aos "Amigos da Porcelana".Volte sempre!
    Um artigo excelente sobre a arte em mosaicos Tais, lembrando que é uma técnica de todos os tempos e nunca passa de moda.
    Em breve visitarei Barcelona e não vou perder os mosaicos do grande arquitecto e visionário -António Gaudí.
    Um excelente ano para si com muita Arte e alegrias.

    ResponderExcluir
  16. Olá, voltei aqui pra te visitar!
    Bjkas!

    ResponderExcluir
  17. Muito interessante seu blog, já vi que vou aprender muito com você.
    beijo

    ResponderExcluir
  18. Tais!

    Adorei teu blog!!
    Muito lindo e instrutivo mesmo!!:D

    Me ajudara bastante ...Adoro!!
    Acho que vou fazer um curso de história da arte!

    Te seguirei também!
    Adicionei teu blog a minha lista!

    Belo dia!!

    Beijos
    Elaine

    ResponderExcluir
  19. Lindo seu blog! Eu costumo dizer, que a cultura de um povo se mede pela importância que ele dá as artes, em todas as suas manifestações!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Menezes, falou certo!
      Grande abraço, obrigada.

      Excluir
  20. parabéns Tais.
    Um dos melhores blog sobre artes que
    existe,sem dúvida é o seu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa! Muito obrigada, Cassio.
      Dou o melhor de mim. Mas tem outros blogs muito bons, também.
      Abraços, volte sempre.

      Excluir
  21. Os painéis em mosaico ou azulejo são uma das mais extraordinárias formas de arte.
    Em Portugal existem painéis preciosíssimos desde o SEC. XV. Os azulejos estão presentes em todo o lado: nas antigas igrejas e palácios, nos interiores e exteriores dos edifícios, antigos ou modernos, por todo o lado. Foram os Árabes que trouxeram os azulejos, para a Península Ibérica e em Portugal o seu uso tem sido contínuo até aos dias de hoje. Existe um museu do azulejo instalado no antigo convento da Madre de Deus em Lisboa com painéis magníficos que eu recomendo uma visita.
    Foi apenas uma achega ao seu post fantástico, sobre o mosaico. A Tais já o publicou em Janeiro mas só agora é que eu tive a oportunidade de o ler e aprender um pouco da história do mosaico, o que muito lhe agradeço, Tais Luso de Carvalho ( tem um nome lindíssimo, permita que lho diga).
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  22. Tais, seu blog é liinnnnnddooo! Encantador!

    ResponderExcluir
  23. Tais adorei conhecer teu blog, é otimo!!
    Parabens
    Helô

    ResponderExcluir
  24. A arte do mosaico é bem conhecida, inclusive nas escolas. Aqui na minha cidade havia alguns mosaicos no chão de uma praça de grande circulação no centro, e nesses mosaicos estavam representados os "cartão-postais" da cidade. Achei um trabalho incrível! Uma pena que os azulejinhos estão se soltando...
    O texto está bem claro, Tais. Gostei bastante
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, HUGO, os mais famosos mosaicos são os bizantinos. Os artistas aplicavam milhares de pedrinhas ou pedaços de vidro chamados 'tesselas', numa superfície emassada, no qual havia um desenho inicial de imagens. No que diz respeito aos temas sacros, usavam-se tesselas feitas de um vidro especial chamado 'smalti', fabricado no norte da Itália e feito com folhas grossas de vidro, além de mármore, pedra natural, madrepérola, pedras preciosas e revestimento com folhas de ouro ou prata. Trabalho belíssimo e rico.

      Abraços, amigo!

      Excluir
  25. heloisa karam correa de magalhaes22:16

    Adoro este site, parabens!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Heloisa!
      Faço os textos de maneira simples e com carinho.
      Volte sempre.
      Abraço a todos vocês.

      Excluir
  26. Anônimo18:00

    leticia rezende com o texto acima eu consegui fazer meu trabalho escolar sobre o mosaico!!! este site mim ajuda bastante

    ResponderExcluir
  27. Anônimo03:35

    Gostei muito de conhecer sobre a arte mozaico, aprendi bastante, esta arte me atria bastante, estou para fazer um mural com esta arte

    Muito obrigada ´

    Lourdes

    ResponderExcluir

MUITO OBRIGADA PELO SEU COMENTÁRIO - VOLTE SEMPRE!

COMENTÁRIOS ANÔNIMOS NÃO SERÃO MAIS POSTADOS NO BLOG,