2 de novembro de 2008

SANTOS BARROCOS


- por tais luso - santos a óleo, folhados a ouro / 80 cm alt


Nas primeiras décadas do século XVIII, Minas Gerais exibiu o luxo e o esplendor da arte Barroca em suas igrejas, em seus santos e ornamentos decorativos. Foi uma época de pujança, de um estilo impactante, onde o ouro predominava em toda a arte sacra.

Há muitos anos venho me dedicando a esta arte desenvolvendo várias técnicas, com pouco envelhecimento para que o estilo Barroco conserve as características do luxo e da beleza, mantendo em minhas imagens as feições delicadas e singelas, como eram originalmente as Imagens Sacras.

Meu objetivo é transmitir emoção, através de traços que possam levar esperança, conforto
e ternura, independente de minha postura religiosa. Trabalho pensando em quem tem fé ou em alguém que esteja em busca dela.